Back
relogios_rolex_Hans-Wilsdorf

Relógios Rolex: os mais valiosos

30/11/-0001

Conheça os 5 relógios Rolex mais caros dos últimos anos.


Em 1905, Hans Wilsdorf, de 24 anos, cria uma empresa em Londres especializada na distribuição de relógios. Três anos depois, a marca passa a ter o famoso nome de “Rolex”.

Em 1910 Rolex cria o primeiro relógio de pulso com movimentos de precisão cronométrica perfeita. Foram os primeiros a receber o “Swis Certificate of Chronometric Precision”.

Pioneira em vários aspetos da história dos relógios de pulso , a Rolex criou também o primeiro relógio à prova de água em 1926, chamado “Oyster”. Em 1931 inventou e patenteou o primeiro movimento eterno, que hoje podemos ver em todos os relógios automáticos. O primeiro relógio com o dia do mês surge em 1945, uma tecnologia que foi chamada de “Datejust”.

Os relógios Rolex são feitos com enorme precisão. São criados para durar e têm uma história de excelência, à qual ninguém fica indiferente. São objetos cobiçados, passados de geração em geração, peças de coleção e um bom investimento.

Fique a conhecer os relógios Rolex que obtiveram valores mais elevados em leilão.


Relógios Rolex mais caros de leilão



1. Daytona ref. 6239 “Paul Newman”: $17.750.000




Usado por Paul Newman, uma estrela de Hollywood de renome, este relógio foi a leilão em 2017 e foi vendido por $17.750.000 (17.605.071€).
Foi um presente da sua espesoa,esposa, Joanne Woodward, em 1968. Newman usou-o tanto que este modelo ficou conhecido como o “Relógio Paul Newman”. Na parte de trás pode ler-se “Drive Carefully, Me”.

Quanto ao estado de conservação, todas as partes são originais, sem restauro. Durante anos não se soube o paradeiro deste famoso relógio rolex, até ter sido leiloado.

Em 1984, um jovem de 18 anos chamado James Cox começou a namorar com Nell Newman, filha de Paul, e ajudou Paul a restaurar uma casa na árvore. Num dia em que estavam a trabalhar juntos, Paul perguntou as horas a James, que não soube responder por não ter relógio. Paul oferece-lhe então o relógio do seu pulso. James não sabia da importância ou raridade do relógio que usou diariamente desde então, apesar de sempre o ter estimado.

Parte do dinheiro da venda reverteu para a “The Nell Newman Foundation”.



2. Daytona ref. 6265 “Unicorn”: $5.900.000

Como o nome “Unicórnio” indica, este relógio é raríssimo. É o único modelo Rolex Cosmograph Daytona com bracelete de ouro branco 18 quilates, criado nos anos 70.
O seu dono foi o famoso colecionador de relógios John Goldberger, que o vendeu em 2018 por $5.900.000 (5.851.826€) e doou todos os lucros para a instituição de caridade “Children Action”.



3. “Big Red” Daytona ref. 6263: $5.500.000

Mais uma vez encontramos um valioso relógio Rolex associado a Paul Newman. Este modelo vintage foi usado pelo ator diariamente. Também este foi um presente da sua esposa, com a inscrição “Drive Slowly, Joanne” na parte de trás.

Em 2008, Paul dá o relógio à sua filha, Clea. Foi vendido em 2020 por $5.500.000 (5.455.092€) em leilão.




4. “Bao Dai” ref. 6062: $5.000.000

O último imperador do Vietnam, Bao Dai, comprou esta peça histórica em 1950, numa viagem à Suíça. A história contada é que o imperador entrou na loja da Rolex em Genebra e pediu o modelo mais raro e valioso. Bao Dai compra então este Oyster Perpetual, em ouro amarelo de 18 quilates. Nas horas pares tem marcadores em diamante. Neste relógio Rolex pode consultar-se a fase lunar e um calendário triplo. Acredita-se que existem apenas 3 mostradores iguais no mundo.

Foi leiloado em 2017 por 5 milhões de dólares (4.959.175€). 





5. Daytona ref. 6263 “The Legend”: $3.700.000

Um dos únicos três modelos, dos relógios Rolex, Oyster “Paul Newman”, este Daytona em ouro amarelo foi das primeiras peças a ser produzida da referência 6263. É considerado o mais importante modelo desta referência, com o mostrador cor de limão e os gráficos a branco. Foi vendido em 2017 em leilão, por $3.700.000, (3.669.789€).